Publicado por: Viajante da Imensidao | outubro 11, 2008

As Brigas que Perdi

Pouco adiantou
Acender cigarro
Falar palavrão
Perder a razão

Eu quis ser eu mesmo
Eu quis ser alguém
Mas sou como os outros
Que não são ninguém

Acho que eu fico mesmo diferente
Quando eu falo tudo o que penso realmente
Mostro a todo mundo que eu não sei quem sou
Eu uso as palavras de um perdedor

As brigas que ganhei
Nem um troféu
Como lembrança
Pra casa eu levei

As brigas que perdi
Estas sim
Eu nunca esqueci
Eu nunca esqueci

Pouco adiantou
Acender cigarro
Falar palavrão
Perder a razão

Eu quis ser eu mesmo
Eu quis ser alguém
Mas sou como os outros
Que não são ninguém

Acho que eu fico mesmo diferente
Quando eu falo tudo o que penso realmente
Mostro a todo mundo que eu não sei quem sou
Eu uso as palavras de um perdedor

As brigas que ganhei
Nem um troféu
Como lembrança
Pra casa eu levei

As brigas que perdi
Estas sim
Eu nunca esqueci
Eu nunca esqueci

(Composição: John/Fernanda Takai)

Muitas vezes as brigas são mesmo inevitáveis, são aquele momento em que a gente fala tudo o que vem na mente, sem se importar com as conseqüências. Logo depois bate aquele arrependimento, mas para não “dar o braço a torcer” não pedimos desculpas e isso acaba refletindo por muito tempo em nossa vida. O que era um pequeno problema acaba se tornando grandes intrigas, diante de uma briga dizemos coisas que podem magoar profundamente a outra pessoa, que mesmo que venha a nos perdoar futuramente, provavelmente ainda guardará alguma mágoa por aquele pequeno momento de desentendimento. Por isso ao invés de partir diretamente para uma briga é melhor usarmos o diálogo, através de uma boa conversa podemos nos entender bem melhor e evitar momentos de tensão que poderiam refletir pra sempre em nossas vidas. Sem falar que as brigas desgastam a relação de um casal até chegar a um ponto crítico, e isso reflete no dia-a-dia da família afetando os filhos e outras pessoas mais próximas tornando a vida amarga e cansativa. Como diz a música do Pato Fu: “As brigas que ganhei nem um troféu como lembrança pra casa eu levei, as brigas que perdi estas sim eu nunca esqueci”, dar início a uma briga não é a melhor saída, evitá-la é com certeza a melhor solução, vamos resolver tudo de um modo mais “civilizado” para que a paz possa reinar em nossas vidas. E se por acaso não pudermos evitar tenha a humildade de pedir desculpas, não deixe que uma vida inteira seja arruinada por causa de insignificantes problemas.

Se alguém quiser ouvir a música é da banda Pato Fu, o nome é ‘As Brigas que Perdi’ e muitas vezes aparece também com o nome ‘Perdendo Dentes’.

Anúncios

Responses

  1. Muito obrigada por me visitar.Fico feliz em tê-lo por perto.Seu blog continua muito lindo,bom gosto e as poesias muito legais.Parabéns!

  2. Desculpe,eu fiquei em dúvida se vc era homem ou mulher,pois o seu blog mostra que é de uma pessoa com muitas sensibilidade e bom-gosto.Parabéns de novo.Bjs

  3. Infelizmente por milhares de vezes achamos mais fácil falar um palavrão do que se calar. Mas problema não se resolve no grito. Precisamos treinar nossa inteligencia emocional para resolvermos todos os conflitos de maneira civilizada. Não é xingando e ofendendo as pessoas que vamos resolver alguma coisa.

    Beijão!

  4. Adorei o blog, que cantinho mais delicioso.
    Quanto as brigas, são inevitáveis mesmo já que convivemos com tantas pessoas diferentes.
    Mas o que vale mesmo é se entender, no fim é só você por você mesmo.
    beijo
    =*

  5. Ser autentico, sincero e honesto é um passo a tranquilidade…
    Abraços

  6. Passei aqui pra te dar um Oi e ver se tem nova postagem.Gosto muito daqui.
    bjs

  7. Tenho essa música aqui, não gosto muito do ritmo e tudo mais. Só que a letra fala e fala forte comigo.

    Beijos e bom final de semana.

  8. Estou sempre por aqui.Visite-me no blog.Sua presença é importante!
    bjs


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: